Pr. David Silva

Pr. David Silva

terça-feira, 27 de janeiro de 2009

CAMINHO DAS ÍNDIAS OU DO INFERNO?

Mais um lixo da Globo entra em cena. Esoterismo, ioga e meditação são alguns dos ingredientes de Caminho das Índias, que a Rede Globo começou a exibir em seu horário nobre. De autoria de Glória Perez, ela quer repetir o “sucesso” de O Clone (2001-2002), a qual ambientou a sua trama no Marrocos e que tinha como objetivo maior divulgar a fé islâmica e seus costumes, os quais eram usados como pano de fundo.

Desta vez, é a exótica crença hindu, com seus milhões de deuses, animais sagrados e rígidos sistemas - como o das castas, que impede qualquer mobilidade social - que vai nortear a trajetória de seus personagens principais. Embora seja toda falada em português - o que inclusive já gerou críticas à autora -, algumas cenas, como as de rituais religiosos, serão faladas em hindi ou sânscrito, tradicionais idiomas falados na Índia.

Com isso, mais uma vez a Globo vem disseminar religiões e rituais na TV. O uso de idiomas desconhecidos é algo muito complicado, principalmente nas cenas que retratam rituais, pois as pessoas não têm idéia do que está sendo falado e do que está entrando em suas casas. Na verdade o Hinduísmo e as religiões indianas vão muito além dessa balela de “respeito ao próximo, autocontrole e tolerância”, incluindo muito esoterismo, misticismo e idolatria, o que é pecado, e que pode não só conduzir à índia, mas ao inferno.

Veja o que diz este internauta:

"… porque os caminhos do Senhor são retos, e os justos andarão neles …" Os. 14:9

Ainda me recordo quando estava no Brasil me preparando para ir à Índia a quantidade de livros e artigos na internet que tive de estudar para não ser tão ignorante da vasta cultura que teria de enfrentar pela frente. Percebi que por onde ia, dificilmente encontrava alguém que pudesse me adicionar algum conhecimento prático do que realmente é a Índia. E ainda hoje para a maioria de nós brasileiros este sub-continente é um mistério cercado de lendas e mitos.

Quando cheguei a Índia, verifiquei que todo meu conhecimento vindo dos livros e horas na frente de um computador pouco me ajudaram. E hoje depois de quase 4 anos neste país continuo um aprendiz, e cada vez mais me convenço que poderei viver aqui por décadas e não compreenderei toda esta diversidade que me cerca..

Nos últimos meses tenho recebido e-mails e até mesmo ligações de pessoas de várias partes do Brasil empolgadas me contando da novela que a globo lançará com uma estória baseada na Índia, com o título "Caminhos da Índia". Comecei investigar qual seria a trama da novela e quais seriam os pontos de exploração usados.

Não para minha surpresa descobri que será uma novela totalmente voltada para a divulgação do hinduísmo no Brasil. Para quem não sabe, grande parte da população da Índia é hindu. O hinduísmo é uma religião politeísta com seus mais de 33 milhões de deuses, que são adorados das mais diversas maneiras.

Quando o telespectador brasileiro ligar sua televisão para ver essa novela, estará abrindo as portas de seu lar, sua mente e coração para receber toda a influência do culto e adoração dado a estes deuses e seus mantras, rituais, sacrifícios e oferendas.

Obviamente não posso escrever esta carta de uma maneira convincente a todos os telespectadores brasileiros, pois cada um acredita no que quer e ver e recebe o que bem entende.

Mas de uma forma bem específica posso alertar que nós os cristãos comprometidos podemos facilmente fazer com que essa novela seja um fracasso. O que não seria fazer passeatas, abaixo assinado, greve de fome, etc... Isso sinceramente não resolve nada. A forma mais simples e eficaz seria primeiramente e principalmente sermos sinceros e sensatos e não assistirmos essa novela. Não conectarmos nossos televisores a este canal no momento em que estiver no ar este proselitismo explícito da religião hindu em nossos lares. Não podemos compactuar com esta maldição que está prestes a invadir nossas casas.

Não é hora de sermos hipócritas! Os evangélicos brasileiros são noveleiros SIM!!! Fiz questão de não trazer estatísticas para provar o que estou falando. No fundo sabemos que o povo evangélico é um dos grandes responsáveis pelo sucesso que as novelas "globais" e não "globais" fazem no país. Por que nós somos um dos principais consumidores desse lixo que é vendido em nossos televisores 6 vezes por semana.

Somos mais de 35 milhões de evangélicos no país, se contarmos que somente 10% deste número seja noveleiro ( o que acredito ser muito mais) e aderirem ao boicote, serão mais de 3 milhões e 500 mil pessoas que não assistirão esta novela e farão que ela seja um fiasco de audiência.

Conclamo vocês meus irmãos a não compactuarem com isso. Não sejam responsáveis por tamanho mal a nossa nação, não seja um patrocinador da obra de satanás. Essa novela não pode trazer nenhum benefício para sua vida, pelo contrário estará contaminando o ambiente familiar de sua casa com mensagens demoníacas e tão pouco servirá como uma fonte de conhecimento de outra cultura. Não veja essa novela, faça que ela seja um fracasso e saia do ar. Nós temos a força, só basta fazermos nossa parte.

Repasse para todos os seus contatos cristãos. Unidos podemos.
Que o Senhor os dê graça e sabedoria.
Shakti.


Fonte:
http://hasbadana.blogspot.com/2009/01/caminhos-da-india.html
http://www.tabernaculonet.com.br/blog/?cat=4

6 comentários:

Anônimo disse...

Tem uma pesquisa se crente pode assistir novela.
Digo uma coisa: crente pode, os salvos não.
De acordo com Apocalípse 22,15b a Bíblia proibe os salvos que obedecen a Bíblia não podem nem ver Televisão, pois 99% do que tem na TV é mentira.
Na volta de Cristo pra buscar a IGREJA DELE, os que estiver assistindo mentiras ficarão de fora!

AOR-BRAZIL disse...

BESTEIRA... Arte é arte!!
Cada qual com sua qual.

Rita de Cassia disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anônimo disse...

idolatria não é arte e leva a condenação eterna.

Anônimo disse...

NUNCA VI TANTA COISA ABSURDA ESCRITA NUM MESMO LUGAR>> DEVE TER VINDO DE GENTE IGNORANTE E SEM RESPEITO A UMA TRADICAO MILENAR>>

tedy disse...

A Bíblia diz: não jogue as pérolas aos porcos. Portanto, quem não gostou da mensagem, é porco, e porco aqui não precisa fazer comentário.